domingo, 31 de outubro de 2010

Cruz de Malta 3 x 3 Lagoense

Olá pessoal, o último jogo do ECL ocorrido neste sábado dia 30/10 no Rio Tavares contra o Cruz de Malta, foi marcado por altos e baixos, e por muita superação. O sol batia forte as 15 horas da tarde, e como sempre o jogo não começara no horário, e quase como de costume isso era uma boa noticia para nosso time, visto que, quase sempre não temos onze atletas no horário marcado, e o triste fato das ausências se repetia. Mas enfim, os quatorze atletas ali presentes entraram em campo, e o ECL foi a campo com a seguinte formação: Fernando; Dudu; Samuca; Betan; Ronaldinho; Negão; Jadir; Silvano;  Nadinho; Elton; e Marcelo.
No início da partida as duas equipes se estudavam e o nervosismo parecia dar o tom do jogo, mas aos poucos ambos os times foram se soltando e o jogo melhorou e aos poucos o ECL foi dominando a partida e criando chances reais de jogo, tanto que em certos momentos parecia que o ECL estava jogando com 12 atletas. No decorrer dos primeiros vinte minutos esta sensação de ter-se um jogador a mais foi percebida, e por fim descoberta, e pasmem caros leitores, o ECL realmente estava jogando com um atleta a mais. E você deve estar se perguntando quem?  - A torcida? Eu lhe respondo – Não, por vezes já não temos atletas, quem dera termos torcida (Salvo os dois filhos do Marquinho, e os filhos do Negão e Coroa). Então você pergunta: - O árbitro? – Não. E, mesmo que você me pergunte mais não terias resposta positiva, nosso décimo segundo jogador era a Bruxa, isso mesmo caro leitor a Bruxa estava solta e foi jogar com o Lagoense, mais precisamente com nosso atacante Elton, daí para diante, a Bruxa nos fez perder pelo menos 7 chances reais de gol, chances como a que o Natan perdeu no jogo com o Bandeirante.
Mesmo com a Bruxa solta, o ECL chegou ao primeiro gol ainda no primeiro tempo, com uma bela cabeça de Marcelo após um lindo cruzamento de Ronaldinho.
O segundo tempo foi terrível, o jogo começou com uma leve superioridade do ECL, mas nossa falta de pontaria fez com que o Cruz de Malta aproveitasse as chances dadas a eles, no primeiro as falhas de Betan, Marquinho e Jadir deram a Filinho a chance de marcar o gol de empate. Logo depois uma bobeira de Negão deu ao Cruz de Malta, um passe errado de Juliano resultou o terceiro gol. Com o placar marcando 3 x 1 o Lagoense teve de se expor, e ai que brilhou a estrela da mortadela, digo a mortadela da Sadia, ou melhor a estrela do Marcelo, que em apenas 10 minutos marcou duas vezes levando o Lagoense ao empate.
Antes de encerrar a resenha cabe ressaltar as atuações impecáveis de ambos os Goleiros, tanto Gerri quanto Fernando, foram verdadeiras muralhas, e com certeza merecem todos nossos aplausos.

Agora caro leitor gostaríamos de deixar duas notas tristes. A primeira diz respeito a resenha do jogo passado, cujo o tom de brincadeira da mesma levou a comentários e piadas tristes com alguns colegas, nosso nobre colega Samuca foi motivo de piadas no momento da reza, piadas como “sem abraços hein Samuca”, “Parabéns só pro nosso time” e “Sem agarra ninguém” foram direcionadas a um homem que apenas foi ser gentil.
A segunda nota triste diz respeito a nosso colega Jarbas, seu pai e empresário Januário informou que depois de uma semana de tratamento nosso caro Jarbas já estava correndo e recebendo em média 700 ml de água, mas a chuva da madrugada de sexta feira o fez ter uma recaída e com medo de chuva no sábado o mesmo não compareceu ao jogo. Estamos na torcida Jarbas!

By Jadir Chagas

5 comentários:

  1. eeee palhaçada so falam de mim por..

    ResponderExcluir
  2. Jadi 7 é conta de ...

    ResponderExcluir
  3. Jadir....a resenha está fiel ao ocorrido Sábado...obrigado por ter aliviado ali no passe errado...depois te pago um biluzitos e um chocoleite....Pessoal, amanhã é finados e como diz os antigos, não presta jogar em dia santo...Alguém sabe onde é o jogo de Sábado????

    ResponderExcluir
  4. acho q é festival do vtcanto do campo das dunas

    ResponderExcluir
  5. Ow, vocês querem matar os cardiacos? Ah ta, era pelo respeito a terceira idade né, entendi...

    ResponderExcluir